EX-TESTEMUNHAS DE JEOVÁ
Seja muito Bem-vindo!

Regista-te aqui e descobre a verdade sobre a "verdade"

Lê as regras e respeita-as

Alguma duvida a Adm/Mod está pronta a ajudar.



"Quando aceitamos tudo o que a Organização diz sem verificar, mostramos confiança na Organização. Mas, se mantivermos um espírito atento e examinarmos 'quanto a se estas coisas são realmente assim' (Atos 17:11), então, mostramos zelo para com Jeová. Para quem você mostra zelo?"

Excertos de literatura, Poesias e Pensamentos.

Página 13 de 14 Anterior  1 ... 8 ... 12, 13, 14  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Excertos de literatura, Poesias e Pensamentos.

Mensagem por MariaL em Dom Abr 05 2015, 17:46

O Cavalo sem Pêlo e o Coelho, dois brinquedos de criança, falavam sobre o Real que se aproximava:
- Dói? – perguntou o Coelho?
- Às vezes – respondeu o Cavalo sem Pêlo, pois dizia sempre a verdade. Mas se fores Real, não te importas que te magoem.
- Acontece tudo de uma vez, como quando te dão corda? – perguntou ele – ou a pouco e pouco?
- Não acontece tudo de uma vez – respondeu o Cavalo sem Pêlo – Vais-te tornando assim. Leva muito tempo. É por isso que não acontece às pessoas que se partem facilmente, ou que têm arestas cortantes, ou que têm de ser guardadas com cuidado. Geralmente, quando te tornas Real, a maior parte do teu pêlo foi arrancada, os teus olhos caíram e as tuas articulações estão frouxas e muito gastas. Mas nada disso tem importância porque quando és Real não podes ser feio, excepto para as pessoas que não compreendem.

em The Velveteen Rabit, Margery Williams


Não há pequenas coisas nem grandes coisas, todas são importantes. - Oscar Wilde
avatar
MariaL
Membros
Membros

Mensagens : 974
Likes : 83
Data de inscrição : 12/05/2012
Idade : 44
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Excertos de literatura, Poesias e Pensamentos.

Mensagem por Kristy123 em Dom Abr 05 2015, 19:24

[/URL]
avatar
Kristy123
Moderador
Moderador

Mensagens : 4603
Likes : 270
Data de inscrição : 15/10/2013
Idade : 99
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Excertos de literatura, Poesias e Pensamentos.

Mensagem por hocosi em Dom Maio 17 2015, 20:59

Sabem quem disse esta frase?

"O mundo só será livre quando o último rei for enforcado nas tripas do último padre"

Bem, a frase original é um pouco diferente.

"Je voudrais, et ce sera le dernier et le plus ardent de mes souhaits, je voudrais que le dernier des rois fût étranglé avec les boyaux du dernier prêtre."

O que é surpreendente é que tenham sido proferidas por um padre.





"Podemos facilmente perdoar uma criança que tem medo do escuro. A real tragédia da vida são os adultos que têm medo da luz" . Platão
avatar
hocosi
Moderador
Moderador

Mensagens : 2828
Likes : 370
Data de inscrição : 28/12/2011
Idade : 62
Localização : Portugal

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Excertos de literatura, Poesias e Pensamentos.

Mensagem por TJ esclarecido em Dom Maio 17 2015, 22:04

@hocosi escreveu:Sabem quem disse esta frase?

"O mundo só será livre quando o último rei for enforcado nas tripas do último padre"

Bem, a frase original é um pouco diferente.

"Je voudrais, et ce sera le dernier et le plus ardent de mes souhaits, je voudrais que le dernier des rois fût étranglé avec les boyaux du dernier prêtre."

O que é surpreendente é que tenham sido proferidas por um padre.


Jean Meslier, padre francês e filósofo do séc 17 / 18 que muito secretamente era ateu.
Um apóstata do seu tempo  Morrer a rir  
Tive um professor no liceu em França que era militante e deputado do PCF que tinha uma grande admiração por este homem.


"Se apenas houvesse uma única verdade, não poderiam pintar-se cem telas sobre o mesmo tema"
Pablo Picasso
avatar
TJ esclarecido
Moderador
Moderador

Mensagens : 1952
Likes : 167
Data de inscrição : 13/11/2011
Localização : Centro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Excertos de literatura, Poesias e Pensamentos.

Mensagem por Kristy123 em Seg Maio 18 2015, 10:14

Olha, um Padre ATEU !  Morrer a rir

Já agora, alguém conhece um Ateu que queira ser PADRE ?  Morrer a rir
avatar
Kristy123
Moderador
Moderador

Mensagens : 4603
Likes : 270
Data de inscrição : 15/10/2013
Idade : 99
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Excertos de literatura, Poesias e Pensamentos.

Mensagem por hocosi em Seg Maio 18 2015, 13:54

@Kristy123 escreveu:Olha, um Padre ATEU !  Morrer a rir

Já agora, alguém conhece um Ateu que queira ser PADRE ?  Morrer a rir

Se há alguém ateu que queira ser padre não sei mas sei que existem muitos padres e pastores ateus.

http://noticias.gospelprime.com.br/pastores-e-padres-ateus-sao-encorajados-a-assumir-isso-publicamente/


http://clergyproject.org/

Será que também existem anciãos Testemunhas de Jeová ateus? Eu estou convencido que sim. Muitos não têm é coragem de o assumir.



"Podemos facilmente perdoar uma criança que tem medo do escuro. A real tragédia da vida são os adultos que têm medo da luz" . Platão
avatar
hocosi
Moderador
Moderador

Mensagens : 2828
Likes : 370
Data de inscrição : 28/12/2011
Idade : 62
Localização : Portugal

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Excertos de literatura, Poesias e Pensamentos.

Mensagem por MariaL em Sab Maio 30 2015, 15:51

De um antigo texto indiano, o Mundaka Upanishad:


Aquilo que não pode ser visto e está além do pensamento,
que não tem causa nem função,
que nem percebe nem age,
que é imutável e onipresente,
Mais sutil que o mais sutil.
Que é o eterno que o sábio sabe ser
a fonte de tudo.
Assim como a aranha tece a teia
e depois a recolhe
Toda a criação é feita por Brama
e para ele retorna.
Assim como as plantas são fincadas no solo,
todos os seres são sustentados por Brama.
Assim como o cabelo cresce na cabeça,
tudo nasce de Brama.


Não há pequenas coisas nem grandes coisas, todas são importantes. - Oscar Wilde
avatar
MariaL
Membros
Membros

Mensagens : 974
Likes : 83
Data de inscrição : 12/05/2012
Idade : 44
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Excertos de literatura, Poesias e Pensamentos.

Mensagem por Kristy123 em Qua Jun 03 2015, 12:26

"A maravilha de um só floco de neve supera a sabedoria de um milhão de meteorologistas."
(Francis Bacon)
avatar
Kristy123
Moderador
Moderador

Mensagens : 4603
Likes : 270
Data de inscrição : 15/10/2013
Idade : 99
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Excertos de literatura, Poesias e Pensamentos.

Mensagem por Investigando a Torre em Dom Jun 07 2015, 15:05





Vamos trabalhar juntos para manter neste fórum um ambiente limpo e amigável. Bons comentários!

"Quem alberga a Verdade no seu coração, não deve temer que lhe falte força na língua e persuasão"
J. RUSKIN
«Stones of Venice», 11
avatar
Investigando a Torre
Admin
Admin

Mensagens : 8496
Likes : 319
Data de inscrição : 21/09/2011
Idade : 59
Localização : Vila Nova de Santo André

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Excertos de literatura, Poesias e Pensamentos.

Mensagem por Investigando a Torre em Qua Jun 17 2015, 14:35

Em homenagem ao nosso grande amigo Pesquisão que nos visita de quando em vez (ainda há pouco aqui esteve a espiar... Morrer a rir  ).

Aula de português... muito "pertinenta"!

Aqui vai uma explicação muito pertinente para uma questão actual:

A jornalista Pilar del Rio costuma explicar, com um ar de catedrática no
assunto, que dantes não havia mulheres presidentes e por isso é que não
existia a palavra presidenta...
Daí que ela diga insistentemente que é Presidenta da Fundação José Saramago
e se refira a Assunção Esteves como Presidenta da Assembleia da República.

Ainda esta semana escutei Helena Roseta dizer : «Presidenta!», retorquindo o
comentário de um jornalista da SICNotícias, muito segura da sua afirmação...

A propósito desta questão recebi o texto que se segue e que reencaminho.

Uma belíssima aula de português.

Foi elaborada para acabar de uma vez por todas com toda e qualquer dúvida se temos
presidente ou presidenta!
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

A presidenta foi estudanta?
Existe a palavra: PRESIDENTA?
Que tal colocarmos um "BASTA" no assunto?

No português existem os particípios activos como derivativos verbais.
Por exemplo:
o particípio activo do verbo atacar é atacante, o de pedir é pedinte,
o de cantar é cantante, o de existir é existente, o de mendicar é mendicante...

Qual é o particípio activo do verbo ser?
O particípio activo do verbo ser é ente.
Aquele que é: o ente. Aquele que tem entidade.
Assim, quando queremos designar alguém com capacidade para exercer a ação
que expressa um verbo, há que se adicionar à raiz verbal os sufixos ante, ente ou inte.

Portanto, a pessoa que preside é PRESIDENTE, e não "presidenta", independentemente
do sexo que tenha.
Diz-se:
capela ardente, e não capela "ardenta"; estudante, e não "estudanta";
adolescente, e não "adolescenta"; paciente, e não "pacienta".

Um bom exemplo do erro grosseiro seria:

"A candidata a presidenta se comporta como uma adolescenta pouco pacienta
 que imagina ter virado eleganta para tentar ser nomeada representanta.
 Esperamos vê-la algum dia sorridenta numa capela ardenta, pois esta dirigenta política, dentre tantas outras suas atitudes barbarizentas, não tem o direito de violentar o pobre português, só para ficar contenta".

Por amor à língua portuguesa!

Pesquisão, não te preocupes... lê e aprende!  Morrer a rir

IT


Vamos trabalhar juntos para manter neste fórum um ambiente limpo e amigável. Bons comentários!

"Quem alberga a Verdade no seu coração, não deve temer que lhe falte força na língua e persuasão"
J. RUSKIN
«Stones of Venice», 11
avatar
Investigando a Torre
Admin
Admin

Mensagens : 8496
Likes : 319
Data de inscrição : 21/09/2011
Idade : 59
Localização : Vila Nova de Santo André

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Excertos de literatura, Poesias e Pensamentos.

Mensagem por hocosi em Qui Jun 25 2015, 21:38

“Uma vez um homem feriu a perna, e teve que andar de muletas. Estas muletas lhe eram muito úteis, tanto para andar como para outras coisas. Ele ensinou toda a sua família a usar muletas, e elas se tornaram parte da vida normal. Ter uma muleta ficou sendo a ambição de cada um. Algumas eram feitas de marfim, outras enfeitadas com ouro.

Escolas foram abertas para treinar o povo no seu uso, cadeiras de universidades receberam doações para tratar dos aspetos mais elevados desta ciência…

Umas poucas pessoas, muito poucas, começaram a andar sem muletas. Isto foi considerado escandaloso, absurdo. Além do mais, havia tantas utilidades para as muletas…

Algumas pessoas contestaram e foram punidas. Tentaram mostrar que uma muleta poderia ser usada algumas vezes, quando necessário; ou que os muitos outros usos das muletas poderiam ser resolvidos de outra maneira. Mas poucos ouviram.

A fim de superar os precon­ceitos, algumas das pessoas que podiam andar sem esse suporte, começaram a se comportar de forma totalmente diferente da estabelecida pela sociedade. Mas ainda assim, permaneceram poucas...

Quando foi descoberto que, tendo usado muletas por tantas gerações, poucas pessoas, de facto, podiam andar sem elas, a maioria “provou” que elas eram necessárias...

“Aqui”, disseram, “está um homem – tentem fazê-lo andar sem muletas. Veem? – ele não con­segue!” “Mas nós estamos andando sem muletas”, lembraram os que andavam normalmente.

“Isto não é verdade; é mera­mente uma fantasia vossa”, disseram os aleijados, porque a essa altura eles estavam também ficando cegos - cegos porque não podiam ver”.

(Texto da Sabedoria Oriental)




"Podemos facilmente perdoar uma criança que tem medo do escuro. A real tragédia da vida são os adultos que têm medo da luz" . Platão
avatar
hocosi
Moderador
Moderador

Mensagens : 2828
Likes : 370
Data de inscrição : 28/12/2011
Idade : 62
Localização : Portugal

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Excertos de literatura, Poesias e Pensamentos.

Mensagem por Kristy123 em Sex Jun 26 2015, 09:36

Hocosi,

Gostei dessa sabedoria oriental.
tass bem
avatar
Kristy123
Moderador
Moderador

Mensagens : 4603
Likes : 270
Data de inscrição : 15/10/2013
Idade : 99
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Excertos de literatura, Poesias e Pensamentos.

Mensagem por hocosi em Sex Jun 26 2015, 14:00

@Kristy123 escreveu:Hocosi,

Gostei dessa sabedoria oriental.
tass bem

As muletas às vezes são necessárias: para uma criança que precisa dos cuidados de seus progenitores, para o aluno que precisa aprender com os professores, para o doente que precisa do seu médico, No caso da religião, ela serve de muleta para aqueles que sentem necessidades espirituais. Por isso parecem depender dos padres, dos pastores ou dos anciãos. Mas levando a coisa para as Testemunhas de Jeová, a maioria deles não são capazes de tomar uma decisão na vida sem consultar os anciãos, as publicações ou a Bíblia.

A evidencia mostra que é muito real o risco que correm todos os que usam muletas além do tempo indispensável: sua “musculatura” – seja ela física, emocional, mental ou espiritual – poderá ficar atrofiada.

Já diz a sabedoria popular: “De tanto usar muletas, fulano não consegue mais caminhar com as próprias pernas”. Quando a necessidade real da muleta é substituída pelo vício, pelo comodismo, pela neurose de dependência, pela fraqueza de caráter, o uso de muletas não se justifica e deve ser considerado ilícito.

http://somostodosum.ig.com.br/clube/artigos.asp?id=27541



"Podemos facilmente perdoar uma criança que tem medo do escuro. A real tragédia da vida são os adultos que têm medo da luz" . Platão
avatar
hocosi
Moderador
Moderador

Mensagens : 2828
Likes : 370
Data de inscrição : 28/12/2011
Idade : 62
Localização : Portugal

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Excertos de literatura, Poesias e Pensamentos.

Mensagem por Kristy123 em Sex Jun 26 2015, 14:22

Eu também já ando de muletas.... pale

Assim consigo sempre bater em alguém
Morrer a rir Morrer a rir
avatar
Kristy123
Moderador
Moderador

Mensagens : 4603
Likes : 270
Data de inscrição : 15/10/2013
Idade : 99
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Excertos de literatura, Poesias e Pensamentos.

Mensagem por hocosi em Dom Jul 12 2015, 20:53

O tempo é algo que não volta atrás.
Por isso plante seu jardim e decore sua alma,
Ao invés de esperar que alguém lhe traga flores...
William Shakespeare



"Podemos facilmente perdoar uma criança que tem medo do escuro. A real tragédia da vida são os adultos que têm medo da luz" . Platão
avatar
hocosi
Moderador
Moderador

Mensagens : 2828
Likes : 370
Data de inscrição : 28/12/2011
Idade : 62
Localização : Portugal

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Excertos de literatura, Poesias e Pensamentos.

Mensagem por MariaL em Sab Out 10 2015, 18:45

Asserena o coração inquieto e segue para a frente.

Se errastes, há recursos de rectificação.

Se outros estão enganados, voltarão à verdade, algum dia.

Se companheiros determinados não te puderam entender, a vida, em nome de Deus, trará outros que te compreenderão.

Abençoa os que te deixaram em caminho, porque nem todos conseguem cumprir várias tarefas ao mesmo tempo.

Agradece aos que te amparam e auxilia aos que possuem menores recursos que os teus.

Trabalha para o bem, onde estiveres e como estiveres.


Chico Xavier (Espírito Emmanuel)


Não há pequenas coisas nem grandes coisas, todas são importantes. - Oscar Wilde
avatar
MariaL
Membros
Membros

Mensagens : 974
Likes : 83
Data de inscrição : 12/05/2012
Idade : 44
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Excertos de literatura, Poesias e Pensamentos.

Mensagem por hocosi em Seg Abr 25 2016, 21:21

Baste a quem baste o que lhe basta
O bastante de lhe bastar!
A vida é breve, a alma é vasta;
Ter é tardar.

Fernando Pessoa

----------------------------------------------------------
Comentário

Um homem demora muito tempo a fazer-se. Não somos como aqueles passaritos que se soltam na imensidão dos céus pouco tempo depois de terem visto a luz. Trazemos em nós uma semente que demora a germinar, que gasta nessa tarefa muitos anos de agitação e silêncio. É assim, decerto, porque está destinada a dar um fruto muito maior que o do pássaro.

Temos, sem dúvida, uma alma: raciocinamos, temos sede de conhecer, somos capazes de amar e de escolher. Um animal come necessariamente, se tiver fome e o alimento estiver ao seu alcance. Um homem, nas mesmas circunstâncias, pode não o fazer. Porque, por exemplo, resolveu fazer dieta. Ou porque escolheu dar o seu alimento a outro que tinha mais fome do que ele. Tem a possibilidade de viver de acordo com outros critérios.
Há muitos séculos que chamamos alma a esse não-sei-quê que faz parte de nós e nos permite viver num plano superior ao das coisas simplesmente materiais. É como se possuíssemos uma espécie de asas.

Sabemos apreciar um sofá confortável, um sono reparador, um bom bife com batatas fritas. Mas precisamos de mais do que isso. E damos por nós a perguntar “porquê?”, ou a discutir ideias. E descobrimos que há qualquer coisa – não feita de células ou moléculas – que nos comove e nos atrai numa paisagem, num gesto de heroísmo, num poema, na música.

Há uma beleza e um bem que não são feitos de nada que se possa tocar. Que não estão nas coisas, embora as coisas nos levem a eles. Aquilo que é apenas material – acabamos sempre por o descobrir – sabe a pouco e não nos enche as medidas. Mas leva tempo a chegar aí.
Leva tempo até percebermos, por exemplo, que existe uma paz que não é a paz das coisas, mas sim uma harmonia interior que resulta de um comportamento correcto. E que é esse o género de paz que nos interessa; que não nos basta aquela paz que é feita somente de ausência de vento ou de guerra.

Um homem tem de crescer não apenas corporalmente. Deve atingir uma envergadura que ultrapassa em muito o âmbito das coisas materiais. Deve fazer-se… homem.
É um caminho já de si longo. Ainda por cima, cometemos com frequência a burrice de termos medo de ganhar asas. De largar um pouco esses outros bens – mais pequenos, mais baixos, mais… animais. É olhar e ver como muitas vezes nos afadigamos correndo atrás da posse de bens materiais e dos prazeres que não são senão para o corpo e de que também gostamos. Ter, gozar, curtir, comprar, comprar… Ter, ter, ter.

Mas sucede que o ter e o comprar e o curtir – usados de um modo exagerado, como fazemos – nos atrasam. Perdemos tempo.
Quem vive obcecado com a posse de prazeres e bens materiais não tem acesso aos prazeres da alma. Passa ao lado do bem e da beleza e do amor. Porque escolheu um nível para a sua vida – o mais cómodo – e escolher uma coisa é sacrificar as outras. Não é possível alcançar o topo da montanha e, simultaneamente, permanecer deitado à sombra lá em baixo.

Portanto, apressemo-nos. Pois, como escreveu o poeta, ter é tardar…

Paulo Geraldo
http://belostextos.aaldeia.net/asas/



"Podemos facilmente perdoar uma criança que tem medo do escuro. A real tragédia da vida são os adultos que têm medo da luz" . Platão
avatar
hocosi
Moderador
Moderador

Mensagens : 2828
Likes : 370
Data de inscrição : 28/12/2011
Idade : 62
Localização : Portugal

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Excertos de literatura, Poesias e Pensamentos.

Mensagem por Kristy123 em Ter Abr 26 2016, 11:52

Que belo passarinho que me saíste hoje.  Morrer a rir

Sim: A vida é breve, a alma é vasta.

E a Alma é além-material e por isso é imortal.  Cool
avatar
Kristy123
Moderador
Moderador

Mensagens : 4603
Likes : 270
Data de inscrição : 15/10/2013
Idade : 99
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Excertos de literatura, Poesias e Pensamentos.

Mensagem por hocosi em Ter Abr 26 2016, 20:46

A arte de um povo é a sua alma viva, o seu pensamento, a sua língua no significado mais alto da palavra; quando atinge a sua expressão plena, torna-se património de toda a humanidade, quase mais do que a ciência, justamente porque a arte é a alma falante e pensante do homem, e a alma não morre, mas sobrevive à existência física do corpo e do povo.

QUE É CULTURA ?
Todo povo tem cultura. Não existe povo sem cultura. Portanto, cultura é tudo o que um povo faz para poder sobreviver e se relacionar com o mundo exterior. Assim, o homem cria uma espécie de muro ao seu redor facilitando o seu relacionamento com o mundo.




Cultura é a maneira de falar, de vestir, de morar, de comer, de trabalhar, de rezar e/ou orar, de se comunicar com o mundo. Desta forma essa cultura fica sendo a garantia, a defesa e subsistência da vida de um povo.




Quando a cultura de um povo é destruída pelo domínio de outra cultura, o povo fica desprotegido culturalmente. Todo o povo só existirá como nação enquanto não perde os seus valores sociais, culturais e religiosos e, não se deixar dominar, destruir, invadir, influenciar por outras culturas. Na medida em que conseguir resistir a sua identidade cultural, ele se fortificará e ficará sendo a razão do existir de um povo que tem cultura própria, porque vive a sua própria identidade cultural. Por isso que se diz: “Cultura é a alma de um povo”. Povo sem cultura é um povo sem alma e sem identidade própria.



"Podemos facilmente perdoar uma criança que tem medo do escuro. A real tragédia da vida são os adultos que têm medo da luz" . Platão
avatar
hocosi
Moderador
Moderador

Mensagens : 2828
Likes : 370
Data de inscrição : 28/12/2011
Idade : 62
Localização : Portugal

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Excertos de literatura, Poesias e Pensamentos.

Mensagem por hocosi em Ter Abr 26 2016, 20:56

@Kristy123 escreveu:Que belo passarinho que me saíste hoje.  Morrer a rir

Sim: A vida é breve, a alma é vasta.

E a Alma é além-material e por isso é imortal.  Cool

Prezada Kristy, aprecio a tua firmeza nas convicções, mas não creio que esse seja o significado do que disse o Poeta.

Como entendes estas expressões?

A arte de um povo é a sua alma viva, o seu pensamento, a sua língua no significado mais alto da palavra; quando atinge a sua expressão plena, torna-se património de toda a humanidade, quase mais do que a ciência, justamente porque a arte é a alma falante e pensante do homem, e a alma não morre, mas sobrevive à existência física do corpo e do povo.
http://www.citador.pt/frases/a-arte-de-um-povo-e-a-sua-alma-viva-o-seu-pensam-ivan-turgueniev-4210

O QUE É CULTURA ?
Todo povo tem cultura. Não existe povo sem cultura. Portanto, cultura é tudo o que um povo faz para poder sobreviver e se relacionar com o mundo exterior. Assim, o homem cria uma espécie de muro ao seu redor facilitando o seu relacionamento com o mundo.
Cultura é a maneira de falar, de vestir, de morar, de comer, de trabalhar, de rezar e/ou orar, de se comunicar com o mundo. Desta forma essa cultura fica sendo a garantia, a defesa e subsistência da vida de um povo.

Quando a cultura de um povo é destruída pelo domínio de outra cultura, o povo fica desprotegido culturalmente. Todo o povo só existirá como nação enquanto não perde os seus valores sociais, culturais e religiosos e, não se deixar dominar, destruir, invadir, influenciar por outras culturas. Na medida em que conseguir resistir a sua identidade cultural, ele se fortificará e ficará sendo a razão do existir de um povo que tem cultura própria, porque vive a sua própria identidade cultural. Por isso que se diz: “Cultura é a alma de um povo”. Povo sem cultura é um povo sem alma e sem identidade própria.
http://professortadeupatricio.blogspot.pt/2014/11/povo-sem-cultura-e-povo-sem-alma-e-sem.html

O que ele queria dizer sucintamente era que se gastarmos muito do nosso tempo a conquistar e a ter coisas materiais, em face da nossa vida tão curta acabamos por perder as melhores coisas da vida e as coisas que são realmente importantes.

Faz lembrar o que disse disse Dalai Lama quando lhe perguntaram:
- O que mais te surpreende na Humanidade?
E ele respondeu:
- Os homens... Porque perdem a saúde para juntar dinheiro, depois perdem dinheiro para recuperar a saúde.
E por pensarem ansiosamente no futuro, esquecem do presente de tal forma que acabam por não viver nem o presente nem o futuro. E vivem como se nunca fossem morrer... e morrem como se nunca tivessem vivido.



"Podemos facilmente perdoar uma criança que tem medo do escuro. A real tragédia da vida são os adultos que têm medo da luz" . Platão
avatar
hocosi
Moderador
Moderador

Mensagens : 2828
Likes : 370
Data de inscrição : 28/12/2011
Idade : 62
Localização : Portugal

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Excertos de literatura, Poesias e Pensamentos.

Mensagem por hocosi em Qui Abr 28 2016, 22:13

@Kristy123 escreveu:Que belo passarinho que me saíste hoje.  Morrer a rir

Sim: A vida é breve, a alma é vasta.

E a Alma é além-material e por isso é imortal.  Cool


Ao longo da história, fisiologistas, seguindo a opinião de escolas metafísicas, tentaram estabelecer o local, no corpo humano, onde se localizava a alma:
Aristóteles ... coração
Erasístrato ... nas membranas
Herófilo ... grandes cavidades do cérebro
Serveto ... aqueduto de Sylvius
Aurâncio ... quarto ventrículo
Descartes ... glândula pineal
Whaton e Schellhammer ... no começo da medula espinhal
Drellincourt ... cerebelo
Bontekoe, Lancisi e La Peyronie ... corpo caloso
Willis ... corpo estriado
Vieussens ... no centro oval da substância medular

https://pt.wikipedia.org/wiki/Alma
Kristy, onde pensas que está a tua?

http://ciencia.folhadaregiao.com.br/2012/11/a-alma-esta-no-cerebro.html



"Podemos facilmente perdoar uma criança que tem medo do escuro. A real tragédia da vida são os adultos que têm medo da luz" . Platão
avatar
hocosi
Moderador
Moderador

Mensagens : 2828
Likes : 370
Data de inscrição : 28/12/2011
Idade : 62
Localização : Portugal

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Excertos de literatura, Poesias e Pensamentos.

Mensagem por Kristy123 em Qua Maio 18 2016, 22:30

Prezado Hocosi,

Onde penso que está a minha? não sei! Olha, está em todo o lado!  Morrer a rir
E a minha é diferente da tua! Porque somos todos diferentes!    Morrer a rir

Talvez esteja a dormir na minha chama trina, num compartimento do nosso coração e
todos os dias percorre o nosso corpo e vai visitar as partes cavernosas do cérebro.  Morrer a rir

A nossa alma é viva e é a fonte de todas as sensações e de todos nossos sentimentos humanos
A alma é como uma poesia e é, no seu conjunto, a cultura de um povo.

E existem diferentes estilos de poesia, tal como as nossas vidas, por vezes dramática, exagerada, erótica, confusa e ilusória e pode ser sentida de várias formas e ser interpretada de diferentes maneiras, consoanta o estado da nossa alma.  Very Happy  

Aqui vai uma poesia :

NÃO ME CHAMEM POETISA

Não me chamem poetisa…
Sou apenas sonhadora
Guardo e crio palavras
Como se fosse pastora
Sou uma pessoa esquisita…
Os meus olhos não choram lágrimas
Choram letras, e comoção
Choram palavras de amor
Choram dores e emoção
Sou uma mulher calma e triste
Religiosa e devota
Rezo, rosários de tristeza
Dou sonhos, aos sonhadores que batem na minha porta
Tenho rosas sobre a mesa
Uma bússola apontar o norte
No corpo estrias da vida alternadas com as da morte.
As minhas feridas sangram na alma e na sombra
Sangram nas solidões invernais
Sangram nas asas da pomba
Que levam as dores aos pombais
As minhas poesias são utopia e clemência
Não me chamem poetisa…
Escrevo apenas palavras da ignóbil existência.
Conheço o desconhecido
Do passado outrora vivido
Com a fusão de lágrimas e ondas de maresias
Faço uma poção milagrosa de vocábulos e magias
Rascunho prováveis poesias.
Transformo raios de sol em relâmpagos
Choros, desprotegidos transformo-os em hinos e cânticos
Sou apenas uma mágica.
Dou vigor a um corpo cansado.
Transformo em amor um coração dilacerado.
Faço nascer rosas em laranjeiras
Com feitiço e a erva-das-feiticeiras
Não me chamem poetisa…
Chamem-me mágica de 5ª categoria
Uma mágica falhada
Uma aprendiza de magia
Um corpo jogado no chão.
Uma mágica das palavras que parecem poesias
Não sou poetisa nem mágica, sou apenas ilusão
M.C.M. (São Marques)
avatar
Kristy123
Moderador
Moderador

Mensagens : 4603
Likes : 270
Data de inscrição : 15/10/2013
Idade : 99
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Excertos de literatura, Poesias e Pensamentos.

Mensagem por Investigando a Torre em Qua Maio 18 2016, 23:27

@Kristy123 escreveu:
Talvez esteja a dormir na minha chama trina, num compartimento do nosso coração e
todos os dias percorre o nosso corpo e vai visitar as partes cavernosas do cérebro.  Morrer a rir

Partes cavernosas do cérebro intrg

Quer dizer, quando já está doente?  Cruz

IT


Vamos trabalhar juntos para manter neste fórum um ambiente limpo e amigável. Bons comentários!

"Quem alberga a Verdade no seu coração, não deve temer que lhe falte força na língua e persuasão"
J. RUSKIN
«Stones of Venice», 11
avatar
Investigando a Torre
Admin
Admin

Mensagens : 8496
Likes : 319
Data de inscrição : 21/09/2011
Idade : 59
Localização : Vila Nova de Santo André

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Excertos de literatura, Poesias e Pensamentos.

Mensagem por hocosi em Sab Maio 21 2016, 22:22

“A palavra Deus, para mim, é nada mais que a expressão e produto da fraqueza humana; a Bíblia, uma coleção de lendas honradas, mas ainda assim primitivas, que são bastante infantis.” (Albert Einstein)

“A inspiração da Bíblia depende da ignorância da pessoa que a lê.” (Robert Green Ingersoll)

“Eu li a Bíblia de capa a capa. Chamar aquele livro de ‘a palavra de Deus’ é um insulto a Deus. Chamar aquele livro de um guia moral é uma afronta à decência e dignidade dos povos. Chamá-lo de guia para a vida é fazer uma piada de nossa existência. E pretender que ela seja a verdade absoluta é ridicularizar e subestimar o intelecto humano” (Friedrich Nietzsche)

E porquê?

Porque está recheada de erros, contradições, incongruências, plágios, mitologias, conceitos anticientíficos, intolerância, sadismo, imoralidades, genocídio, infanticídio, injustiças, racismo, machismo, misoginia, homofobia, xenofobia, coisas essas claramente visíveis aos olhos da razão mas ocultos à “cegueira da fé”.



"Podemos facilmente perdoar uma criança que tem medo do escuro. A real tragédia da vida são os adultos que têm medo da luz" . Platão
avatar
hocosi
Moderador
Moderador

Mensagens : 2828
Likes : 370
Data de inscrição : 28/12/2011
Idade : 62
Localização : Portugal

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Excertos de literatura, Poesias e Pensamentos.

Mensagem por Kristy123 em Ter Jul 17 2018, 14:14

Gostei de ler este texto, que gostaria de partilhar convosco:

Há dois ou três dias, alguém me perguntou "o que é que se passa com as relações (amorosas) entre as pessoas, que estão todas a acabar? Está toda a gente a discutir, a separar-se, ninguém está feliz..."
A resposta, se é que alguém pode ter uma resposta, é que os relacionamentos não existem para as pessoas serem felizes. Os relacionamentos existem para as pessoas aprenderem grandes lições sobre si próprias, sobre a vida, sobre os valores fundamentais da existência. Como já aqui escrevi uma vez, nós aprendemos a dois aquilo que serve o propósito individual de cada um.
A verdade é que nós nascemos sozinhos e a solidão é a nossa condição natural. Antes de aceitarmos até às últimas consequências a nossa condição de seres solitários, não temos como estabelecer relações reais com os outros. Alguém escreveu que "o homem morre como nasce'': careca, sem dentes e sem ilusões". Eu acrescento: e sozinho. O homem nasce e morre sozinho.
Mas nós queremos fugir da solidão, em vez de a atravessar. Se ao menos pudéssemos aceitar, abençoar, essa solidão, ela deixaria de ser uma dor. Passaria a ser uma conquista da nossa consciência.
E só a partir dessa consciência poderemos ter relações saudáveis uns com os outros, simplesmente porque já não iremos aos relacionamentos para pedir, mas para dar. E essa é a lei do amor humano: amar é dar, é partilhar, é transbordar. Não é pedir, precisar, depender, sentir falta. Não é estabelecer acordos de vampiros ("eu mordo no teu pescoço e tu mordes no meu"), para preenchermos um vazio que vivemos como uma carência.
Por isso nas relações pessoais podemos viver numa de duas posturas: ou somos mendigos, ou imperadores. Quem não atravessa a solidão só pode viver como um mendigo, exigindo atenção, amor, cuidados, cobrando a presença do outro. Orbitando em redor de alguém.
Vivendo relacionamentos pouco saudáveis, pouco livres, ou que pouco lhe devolvem de si próprio - mas que são o preço a pagar para ter alguém do seu lado, o preço a pagar para não se estar só.
Astrologicamente, essa dependência é simbolizada pela Lua.
A Lua é um corpo morto, não tem luz própria, não emana nada. Apenas espelha e recebe a luz do Sol.
A Lua é satélite da Terra, tal como nós somos satélites daqueles de quem dependemos.
Ser dependente é estar lunarizado, é orbitar em redor de alguém que julgamos nos irá fazer felizes.
E só há uma única fase na vida humana em que é suposto estarmos lunarizados, que é a infância - em que dependemos de alguém maior, mais forte, mais apto do que nós para sobreviver (a mãe, ou quem a substituiu).
Mas se carregamos essa dependência emocional imatura e irresponsável pela vida fora, projectando-a para cima de quem julgamos amar, a vida conduz-nos a experiências de sofrimento, de perda, de rupturas amorosas.
E é tão - só o Universo, programado que está para a evolução, dizendo-nos "não podes depender de ninguém, e sempre que o fizeres vais ser recordado, pela dor, que não deves viver como um mendigo, mas como um imperador.
Dá o teu melhor aos outros sem depender deles para te sentires alimentado. A tua dádiva é a tua maior riqueza; a tua carência, a causa do teu maior sofrimento.''

Texto de Nuno Michaels

avatar
Kristy123
Moderador
Moderador

Mensagens : 4603
Likes : 270
Data de inscrição : 15/10/2013
Idade : 99
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Excertos de literatura, Poesias e Pensamentos.

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 13 de 14 Anterior  1 ... 8 ... 12, 13, 14  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum