EX-TESTEMUNHAS DE JEOVÁ
Seja muito Bem-vindo!

Regista-te aqui e descobre a verdade sobre a "verdade"

Lê as regras e respeita-as

Alguma duvida a Adm/Mod está pronta a ajudar.



"Quando aceitamos tudo o que a Organização diz sem verificar, mostramos confiança na Organização. Mas, se mantivermos um espírito atento e examinarmos 'quanto a se estas coisas são realmente assim' (Atos 17:11), então, mostramos zelo para com Jeová. Para quem você mostra zelo?"

Minha velha

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Minha velha Empty Minha velha

Mensagem por Ana Cláudia em Qua Out 23 2013, 23:08

Não sei porque estou a pôr isto aqui. Hoje tenho andado afundada nesta questão. Cinzenta como o tempo. E isto saiu, de mim para fora. Para quem não sabe a "minha velha", era a minha avó.


Minha velha,

Tens alguma noção da falta que me fazes? Porque é que me morreste? Não tinhas o direito de me morrer. Eu merecia ter-te comigo, aproveitar-te! Sou egoísta, sim, nunca gostaste que eu fosse mas sou e queria e merecia ter-te aqui comigo. Merecia ir todos os fins de semana a tua casa com as tuas bisnetas para ver os teus olhos a brilhar como sempre brilharam a olhar para mim. Merecia continuar a comer arroz de manteiga, iscas e bifes fritos. Sabes que nenhuma destas coisas me voltou a saber ao mesmo? Sabes que me farto de tentar fazer o teu arroz de manteiga e nunca consegui?

Sabes que a J**** é igual a nós? Tem o mesmo feitio! Penso tanto em ti a olhar para ela, somos farinha do mesmo saco, ninguém a pisa que ela não deixa, como tu nunca deixaste. Sabes que a minha vida não teria sido esta se não me tivesses morrido? Sabes que ainda me fazes tanta falta que até dói? E dói tanto, mesmo depois de tantos anos, e é uma angustia tão grande! Penso tanto em ti! Tenho tantas saudades tuas!

Não foste perfeita, levaste-me para uma religião que acabou por quase destruir a minha vida. A culpa não foi tua, sei que se cá tivesses não me teriam tratado daquela forma, a cima de tudo sei que se soubesses que me iam fazer sofrer daquela maneira nunca terias permitido que eu fosse para aquela religião! Sabes que até desejo que eles tenham razão? Parece-te estranho eu sei. Mas amavas tanto a vida que desejo que exista qualquer coisa como o que eles prometem só para que tu vivas. Porque tu merecias viver. E eu merecia viver-te.

Sabes que o velho não fala comigo? E vou ligando para saber dele, sei que é o que quererias que eu fizesse. Também sei que lhe davas um valente puxão de orelhas se pudesses. Sei que me protegerias com a tua vida. Sei que farias tudo para me ver feliz. Sei que merecias ver as tuas bisnetas e que elas mereciam conhecer-te. Sabes que o velho só as viu 4 ou cinco vezes? Tu nunca ias permitir isto! Ias aproveita-las tanto! Ias sorrir, rir e gargalhar como fizeste comigo. Ias coçar-lhes as costas, como fizeste comigo, durante horas! Sabes que esta é a melhor de todas as minhas recordações de infância? Horas deitada no teu colo e tu a coçares-me as costas. É um lugar tão seguro a que volto tantas vezes.

Uma parte de mim tem tanta esperança que tu saibas tudo isto. Esperança de que estejas num sítio em que te é permitido ver tudo isto. Em que possas ver a falta que me fazes e as saudades que te tenho. Porque é que me morreste? Só te tive 20 anos, foi tão pouco! Não me chegou. Sei que não te chegou. Disse-te todos os dias que te amava, e continuo a dizer. Na esperança que me oiças. Deves estar triste por eu ter perdido a fé, mas eu sei que me compreendes. Sempre compreendeste, mesmo quando não concordavas. Essa compreensão e aceitação faz-me tanta falta. Aprendi tanto contigo. Ninguém me ensinou mais sobre o amor, aquele incondicional. Que era o que me tinhas. E que eu te tenho.

Obrigada pela paciência, pelos pequenos almoços na cama durante anos a fio, por me deixares almoçar a ver desenhos animados, por me teres protegido, pela televisão no quarto, pelos trocos para as gomas, pelas férias grandes na terra, pelas viagens a dormir com a minha almofada no banco de trás, pela paciência para me acordar, pelo amor incondicional.

Só não te perdoo teres-me morrido.


Última edição por TJ Curioso em Qua Out 23 2013, 23:30, editado 1 vez(es) (Razão : Criação de parágrafos para melhor leitura)
avatar
Ana Cláudia
Forista desativado

Mensagens : 3331
Likes : 140
Data de inscrição : 16/05/2012
Idade : 37

Voltar ao Topo Ir em baixo

Minha velha Empty Re: Minha velha

Mensagem por River raid em Qua Out 23 2013, 23:29

Partilho o desgosto, fiquei um tanto emocionado.

Eu também sofri muito aos 19 anos ao perder minha avó paterna e olha que a minha não era nem metade de "carinhosa"...

Quero-te elogiar, Atena, por teres a coragem de desabafar sobre a tua velhotinha, tua querida avó. Ainda bem que não a culpas de nada.
Calculo que ela tenha sido uma influência em teres te convertido mas tem sempre presente no teu coração que NAQUELE tempo não havia maneira de saber os disparates desta religião.

Teu avô ignora-vos? Tuas filhas não estão "desassociadas", porque haveria ele de ignorar seu próprio sangue?

Atena, sabes que eu respeito-te e tenho receio de dizer algo "fora do contexto" mas garanto-te que prestaste aqui uma bela e sentida homenagem à tua avó, esteja ela onde estiver há de estar a sorrir. O amor não conhece fronteiras. Nem a morte nos separa do verdadeiro amor.

Cump
River


avatar
River raid
Membros
Membros

Mensagens : 4622
Likes : 180
Data de inscrição : 02/09/2013
Idade : 45
Localização : Maia

Voltar ao Topo Ir em baixo

Minha velha Empty Re: Minha velha

Mensagem por TJ Curioso em Qua Out 23 2013, 23:42

Atena foi um gesto muito bonito e também me entristeceu pensar nos sentimentos que certamente te afloraram à pele enquanto escrevias estas palavras. Provavelmente estas palavras foram escritas com lágrimas de saudade e tristeza... Sad 

É terapêutico este tipo de atitude, não que o seja necessário escrever em público. Mas escrever os nossos sentimentos ajuda-nos a deitar para fora aquilo que o coração tende a encerrar a sete-chaves.

Mexer com estes sentimentos dói muito... sei por experiência própria. Também já o fiz e sei o quanto custa escrever aquilo que gostariamos de ter dito pessoalmente.

Mas esse processo é doloroso e libertador ao mesmo tempo e ajuda a sanar as mágoas e a tristeza. Apesar de a dor nunca desaparecer, ajuda e muito a diminui-la.

Tenho a certeza que, quer ela esteja vendo este tributo agora, quer-te venha a reencontrar no futuro, não deixará de ficar feliz por manteres esse amor dentro de ti.

É através do nosso amor que aqueles que partiram permanecem vivos na nossa memória.


Última edição por TJ Curioso em Qui Out 24 2013, 01:39, editado 1 vez(es)


"Não me calarei perante a perversidade de homens que se colocam como deuses entre os demais e que tentam silenciar aqueles que lhes fazem frente."
TJ Curioso
TJ Curioso

Mensagens : 9135
Likes : 425
Data de inscrição : 26/09/2011
Idade : 46

http://www.extj.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Minha velha Empty Re: Minha velha

Mensagem por mjp em Qui Out 24 2013, 01:21

Estou embatucado! Não sai nada.

Saiu isto:

Percebo-te tão bem! Sad 

Aceita esta flor:

Flor
mjp
mjp
Forista desativado

Mensagens : 6491
Likes : 223
Data de inscrição : 26/09/2011
Idade : 60
Localização : Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Minha velha Empty Re: Minha velha

Mensagem por Kimba em Qui Out 24 2013, 08:49

Lindo, embora triste....


"Aquele que procura a verdade corre o risco de a encontrar." - Isabel Allende
Kimba
Kimba
Membros
Membros

Mensagens : 704
Likes : 89
Data de inscrição : 30/08/2012
Idade : 45
Localização : Aveiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Minha velha Empty Re: Minha velha

Mensagem por Índigo em Qui Out 24 2013, 21:49

Atena, minha querida fizeste-me chorar com estas palavras tocantes!

Fizeste-me desejar ter tido uma avó como a tua! Apenas a tiveste 20 anos ... mas esse tempo resultou em memórias deliciosas baseados no amor. Como se fosse um amor de mãe-filha!

Obrigada por teres partilhado os teus sentimentos e por nos teres dado a oportunidade de testemunhar esse amor lindo que tens pela tua avó.

Tenho pena que o teu avô esteja a perder o melhor que se tem na vida que é a familia. Que devido à religião, ele não esteja a ver as bisnetas a crescer!

Mas tens uma recordação fantástica para partilhares com as tuas meninas, e por extensão para partilhares connosco!

És uma grande mulher. Admiro-te muito! Smile


Vamos trabalhar juntos para manter neste fórum um ambiente limpo e amigável. Bons comentários!
Índigo
Índigo
Colaborador
Colaborador

Mensagens : 3424
Likes : 226
Data de inscrição : 07/05/2012
Idade : 38
Localização : Norte

Voltar ao Topo Ir em baixo

Minha velha Empty Re: Minha velha

Mensagem por Paulo Neto em Sex Out 25 2013, 09:34

SAUDADE

"Saudade é amar um passado que ainda não passou,

É recusar um presente que nos machuca,

É não ver o futuro que nos convida...


Saudade é sentir que existe o que não existe mais...

Saudade é o inferno dos que perderam,

É a dor dos que ficaram para trás,

É o gosto de morte na boca dos que continuam...


Só uma pessoa no mundo deseja sentir saudade:"aquela que nunca amou.


"E esse é o maior dos sofrimentos: não ter por quem sentir saudades,

Passar pela vida e não viver.


O maior dos sofrimentos é nunca ter sofrido...

"by: Pablo Neruda




Vamos trabalhar juntos para manter neste fórum um ambiente limpo e amigável. Boas postagens!

Minha velha Banner10
Admn sugere:
     
Minha velha 4179919739Respeite as regras do fórum e seja um bom membro.
Minha velha 4179919739 Antes de criar um novo tópico faça uma pesquisa rápida.Podes começar por AQUI
Minha velha 4179919739 Se perdeu a senha do fórum, contate um administrador por MP.

Paulo Neto
Paulo Neto
Admin
Admin

Mensagens : 8119
Likes : 279
Data de inscrição : 20/09/2011
Idade : 46
Localização : Vila de Cucujães

http://escravodaverdade.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Minha velha Empty Re: Minha velha

Mensagem por Setubalense em Sex Out 25 2013, 16:36

Agradecido Atena por partilhares o desabafo da tua alma. A tua avó estará sempre contigo no teu coração e na tua lembrança.


"A estupidez humana é a única coisa que dá uma ideia do infinito"
Ernest Renan
Setubalense
Setubalense
Membros
Membros

Mensagens : 681
Likes : 49
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 55
Localização : Setubal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Minha velha Empty Re: Minha velha

Mensagem por Sara Mel em Sex Out 25 2013, 19:48

Minha querida,

só agora li muito comovida.
Lamento muito a tua perda, mas és riquíssima graças a essa mulher! Logo a seguir a teres saido da minha casa disse ao J., esta miuda é inteligente e com uma vida dura, isso fá-la especial. Não me enganei!

Não conheci nenhum dos meus avôs, só por isso já és rica!

um abraço apertado!
beijinho


Sara Mel
Sara Mel
Sara Mel
Sócio APVIPRE
Sócio APVIPRE

Mensagens : 2743
Likes : 96
Data de inscrição : 26/11/2012
Idade : 45
Localização : Norte

Voltar ao Topo Ir em baixo

Minha velha Empty Re: Minha velha

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum